Rubens Matuck

Fotografia e aquarela

WORKSHOP

A aquarela foi muito utilizada no início do advento da fotografia, para colorizar as cópias em preto e branco. Os pigmentos foram incorporados nos processos históricos para colorir albuminas em chapas de vidro.

Usar a cor da aquarela, incluindo o preto do nanquim, saber as diferenças de sua leitura na luz e no papel, transparências, pigmentos e processos de interferência da pintura na fotografia é o objetivo deste workshop.

INSTRUTOR

A aquarela para Rubens Matuck foi uma descoberta feita no ateliê de Sansom Flexor na década de 1970, quando trabalhava para jornais e revistas. Desenvolveu a pintura com Aldemir Martins, Otavio Araujo e Jorge Mori. Tem diversas exposições realizadas no Brasil e no exterior.

Em 2015 realizou uma retrospectiva de sua produção de 40 anos de trabalho no SESC Interlagos.

Desde 1982 realiza viagens pelo Brasil e exterior, fazendo cadernos de viagem com fotógrafos, com os quais desenvolve a aquarela sobre suas fotografias.

Programação

Data

23 a 25 de março

Horário:

Quinta-feira 15h-18h | sexta-feira 14h-17h | sábado 10h-12h

Local

Tiradentes

Carga horária:

8 horas

Pré Requisitos:

A: Um número mínimo de 6 Fotografias impressas em papel de algodão COM MARGEM de pelo menos 10 cm nas laterais, para interferência com aquarela/ou nanquim. (Em Tiradentes há um bureau de impressão digital em papel de algodão)

B: Estojo de Aquarela e pincéis linha profissional :
por exemplo: http://www.acasadoartista.com.br/produto/detalhes/tintas-auxiliares/t.-aquarela-estojos/sakura/estojo-aquarela-pastilha-koi.html
Pincel para aquarela tamanho 06 e 16
por exemplo: http://www.acasadoartista.com.br/produto/detalhes/pinceis-nacionais/aquarela/tigre/referencia-146.html

Número de Vagas:

10

Investimento:

R$ 500,00

Programa:

Primeiro dia:
- Usos e comportamento da aquarela, técnicas, papel e pigmento
Segundo dia:
- exercícios de aquarela e aquarela sobre fotografia
Terceiro dia:
- aquarela sobre fotografia

Twitter

Instagram

Facebook